Wikia Dofus
Advertisement
Resumo da Missão
Iniciando Fale com Gromeo Oatmenu ou Julie Lattecup em [-74,-32]
Nível necessário 50
Pré-requisitos Nenhum
Nível da missão 130
Recompensas XP baseada no nível, 38,960 Kamas, 2 Kama de Gelo, 1 Documento de Inventário
Itens necessários 1 Pedra da Alma Cheia com pelo menos 1 Kaniglu, 1 Erva de Miaw, 2 Campânula-branca, 300,000 Kamas no inventário
Sequência Nenhum
Repetitiva Não

Gromeu e Julie é uma missão.


Pegando a missão[]

Fale com Gromeo Oatmenu ou Julie Lattecup em [-74,-32].
Eles aparecem entre 17:00 e 21:00 no horário do Dofus.
Gromeo Oatmenu
Diálogo

Julie, minha doce Julie, Ah, eu sou um tolo sortudo! Eu desejo um amor impossível. Mas aqui está um estranho que, sem dúvida, poderá nos ajudar.

  • Pergunte qual é o problema.

Nossas famílias têm brigado há séculos por causa de uma besteira. Você deve saber que, antes da glaciação, as nossas famílias estavam competindo para ser o maior exportador de cereal, mas agora eles se odeiam por causa de uma competição injusta. Por esse motivo estúpido, eles não deixam que a gente se case. Você pode nos ajudar a fazer que eles voltem para a razão dos fatos? Estamos implorando para você...

  • Aceitar.

Nós precisamos encontrar uma maneira de reunir nossas famílias. A melhor saída seria tirar a limpo essa história de concorrência desleal, mas isso não será fácil. Os Montés acusam os Tolepucas de ter roubado parte do carregamento de cereal deles. Eles acham que o excendente vendido pelos Tolepucas veio desses roubos. Já os Tolepucas rejeitam essas acusações, mas não apresentam nenhuma prova. Depois de tanto tempo, investigar o roubo será muito difícil, mas não há nenhuma outra solução.
Interrogue o capitão Mubeb e vamos torcer para que consiga lembrar de algo.

Julie Lattecup
Diálogo

Oh, Gromeo! Gromeo! Por que és Gromeo? Renega teu pai e abdica de teu nome. Ou, se não quiseres, jura me amar, e eu não serei mais uma Otelupac!

  • Pergunte qual é o problema.

Nossas famílias têm brigado há séculos por causa de uma besteira. Você deve saber que, antes da glaciação, as nossas famílias estavam competindo para ser o maior exportador de cereal, mas agora eles se odeiam por causa de uma competição injusta. Por esse motivo estúpido, eles não deixam que a gente se case. Você pode nos ajudar a fazer que eles voltem para a razão dos fatos? Estamos implorando para você...

  • Aceitar.

Nós precisamos encontrar uma maneira de reunir nossas famílias. A melhor saída seria tirar a limpo essa história de concorrência desleal, mas isso não será fácil. Os Montés acusam os Tolepucas de ter roubado parte do carregamento de cereal deles. Eles acham que o excendente vendido pelos Tolepucas veio desses roubos. Já os Tolepucas rejeitam essas acusações, mas não apresentam nenhuma prova. Depois de tanto tempo, investigar o roubo será muito difícil, mas não há nenhuma outra solução.
Interrogue o capitão Mubeb e vamos torcer para que consiga lembrar de algo.

Etapa 1: Um amor impossível[]

Gromeo e Julie não podem se casar porque suas famílias se odeiam. Eles imploram para que você encontre uma solução.
Diálogo
  • Faça perguntas sobre o roubo dos cereais dos Oatmenu's.

Do que você está falando?
Ah, daquela história de roubo! Eu lembro como se fosse ontem. Apesar de que, tecnicamente, isso esteja quase se repetindo por conta desse inverno eterno.
Nenhum problema de carregamento foi notado no ano anterior à glaciação. Se você quiser revistar os barcos, eu recomendaria que visitasse as lareiras, hehe.

  • Dizer que você não vê qual é a relação.

Por quê? Porque os barcos que usávamos na época foram desmontados para que a madeira fosse usada no aquecimento e isolamento do porto e das casas. As tábuas também foram usadas como combustível enquanto esperávamos a instalação dos canos.
Esqueça essa história, você está perdendo seu tempo. Quer dizer... Se realmente não tiver mais o que fazer, vá interrogar os marinheiros do porto.

  • Ir embora.
  • Fale com os marinheiros do porto
Fale com o Marinheiro em [-82,-41].
Diálogo
  • Pedir informações sobre o roubo dos cereais dos Oatmenu's.

Eu me lembro disso. Estava trabalhando para os Oatmenus na época. Os Lattecups roubaram parte do carregamento de cereais e depois revenderam tudo. Eles ganharam muitos kamas graças aos Oatmenus e é por isso que as duas famílias estão em guerra há um século.

  • Saber mais sobre o que aconteceu.

Os barcos chegaram no meio da noite e nós esperamos até o amanhecer para descarregá-los. Estava faltando metade do carregamento de cada barco. Se você quiser saber a minha opinião, o ladrão de tanto cereal em uma só noite não pode ter passado despercebido, mas a guarda costeira não notou nada fora do comum. Na verdade o que eu acho é que, eles mentiram, mas os Oatmenus não tem poder sobre o que acontece em Amakna, por isso eles não descobriram mais nada fora isso.
Se você quiser falar com os oficiais na guarda costeira da época, não terá muita sorte. Depois de tanto tempo, eles já devem estar sete palmos abaixo da terra. E os Lattecups não vão contar nada.

Se ela não estiver mais em [-74,-32], ela poderá ser encontrada em [-73,-40].
Diálogo
  • Use a ajuda dele para perguntar aos Lattecups sobre o roubo.

O que você está pedindo é muito difícil, mas se é necessário para que eu possa me casar com meu Gromeu, vou ajudar.
Existe um soro da verdade que só Herb Olário, o alquimista, sabe como fazer. De preferência, você precisaria usar com alguém que deve saber o que aconteceu, ou seja, com meu pai.
Você não conseguirá se aproximar dele com facilidade... a não ser que... Você finja ser um pretendente rico querendo se casar comigo.

  • Ouça a próxima parte do plano dele.

Então, nós vamos fazer isso em três etapas:
- Pegar o soro da verdade com o alquimista.
- Fingir ser um pretendente rico.
- Conseguir uma reunião privada com meu pai.
Você acha que consegue fazer isso? Se for o caso, precisaria pegar o soro da verdade com o Herb Olário de qualquer maneira. Sem ele, todo o plano dará errado.

Etapa 2: De boca de adultos...[]

Julie planeja descobrir exatamente o que aconteceu, e cabe a você continuar.
Diálogo
  • Pedir um soro da verdade.

Eu não sei do que você está falando, não conheço o segredo de fabricação do soro da verdade. Foi aquele pé de cana do Capitão Mubeb quem te contou isso?

Diálogo
  • Pedir mais informações a respeito do soro da verdade do Herb Olário.

Aquele tampinha sabe como fazer isso? Não é surpresa, ele não quer compartilhar seu segredo.
Você quer a minha opinião? bom, eu vou dizer de qualquer maneira. Leve a ele a alma capturada de um Kaniglu e convença-o que está domesticado e submisso. Com isso, ele não vai poder recusar nada a você.
Eu adoraria estar lá quando percebesse que está cara a cara com um Kaniglu selvagem, não o bichinho domesticado que ele pensava ser. Hahaha!
Bom Trabalho!

Diálogo
  • Pedir um soro da verdade.

Um Kaniglu domado que fará o que eu quiser?
É muito gentil da sua parte.
O que você queria mesmo? Ah sim, o soro da verdade.
Ainda faltam alguns ingredientes que agora só podem ser encontrador em Amakna. Já que você quer tanto esse soro, pedirei algo em troca.
Eu preciso de soro de Pingwin. O Walter Pez, nosso médico, deve ter bastante no estoque. Eu preciso também de guano de Gelikano cristalizado, há bastante no porto. Ah, também vou precisar de duas campânulas-brancas, que crescem ao redor do burgo e, por fim, um pouco de erva de Miaw que, se não me falha a memória, só pode ser encontrada no tempo Ecaflip.

Diálogo
  • Pedir soro de Pingwin.

Eu tenho uma caixa inteira. É pro Herb Olário? Por que ele precisa disso?
Pegue esta amostra e suma daqui. tenho muito trabalho pra fazer e vidas pra salvar.

Você vai receber 1 Soro de Pingwin.
Clique na âncora em [-79,-38] ou no saco em [-78,-38].
É vendida pela Sirea em [6,-21] por 1,000 Kamas.
Diálogo
  • Entregar os ingredientes para a fabricação do soro da verdade.

O Guano de Gelikano cristalizado vai dar mais sabor ao soro.
Eu vou te explicar como funciona: o interrogador deve beber o soro primeiro. Todas as pessoas que beberem depois dele não conseguirão mentir.
É tiro e queda! Eu uso sempre com os estivadores do porto para obter certos favores... Agora xô, vá embora. Já te vi demais por hoje.

Você vai receber 1 Soro da Verdade.
Se ela não estiver mais em [-74,-32], ela poderá ser encontrada em [-73,-40].
Diálogo
  • Qual é o próximo passo no plano?

Você conseguiu pegar o soro da verdade? Eu estou tão feliz por finalmente ter encontrado alguém que se importa com a nossa situação.
Agora, esta próxima parte vai ser ainda mais difícil porque eu vou precisar transformar você em um convincente pretendente rico do continente, e isso não vai acontecer com essas suas roupas esfarrapadas.
Vai precisar de umas roupas adequadas, mas eu não conheço nenhum dos costureiros de Amakna, nem mesmo a moda atual.

  • Sugira que entre em contato com Alit Elfminate em Astrub.

Se você acha que ele vai conseguir fazer o serviço, vá e encontre-o. Vou te arranjar algumas Kamas para arranjar um roupa decente.
Me encontre na taverna e eu vou acertar uma reunião com meu pai.

Você vai receber 1 Grande Bolsa de Kamas.
Diálogo
  • Pedir um traje especial.

É para agradar a uma dama?
Ao pai dela?!! Será muiiiito difícil. Felizmente para você, eu adoooro desafios. Vou tirar as suas medidas... Ó, que barriguinha, isso é falta de exercícios... Por outro lado, em relação às coxas, não há nada a dizer: podemos ver que você as usa muito.
Considerando as suas medidas, eu recomendo uma roupa leve, bem estilosa, que será um arraaaso se você quiser vesti-la na Festa da Cueca do Capitão Chafer.

Você vai receber 1 Traje de Eva.
Ele se encontra no segundo andar da Taberna de Prata e é necessário ter pelo menos 300 mil kamas no inventário antes de falar com ele.
Diálogo

Olá, conhecer pessoas do seu nível e relevância é um fenômeno raro.
O que o traz aqui?

  • Finja que você quer a mão de Julie em casamento.

Este é um pedido... um tanto inesperado, e um pouco incomum. Olha, se fizer que ela esqueça aquele Gromeu, eu não sou contra. Vamos conversar com uma bebida. Eu gostaria de saber mais sobre você.

  • Tire um copo e tome um pouco do Truth Serum.

(...)
Então é assim que você fez seu dinheiro. Realmente muito inteligente.
Nós também temos nossos truques. Ah, é claro, desde a glaciação, a exportação se tornou uma indústria morta, mas, com a abertura da nova rota marítima para o continente, temos novos projetos que gostaríamos de acertar.

  • Faça perguntas sobre o roubo Oatmenu.

Essa loucura sobre roubo é só uma desculpa de um velho Oatmenu para criar dúvida sobre a integridade da nossa família. Ele toma a nossa falta de provas como uma prova de culpa, mas o que ele não sabe é que, na verdade, no último século, nós fizemos acordos comercias com Edmond Santo para impedir que ele se beneficie disso. Se nós vendemos mais cereais em 550, é por causa desses acordos. Nossa família jamais recorreria a roubos e certamente nunca roubaríamos nossos rivais.

  • Tire o dia para descansar.
  • Descubra o mapa: Encontro com Gromeo e Julie [-74,-32]
Iniciará uma batalha contra 3 Bandido Frigostiano. Outros jogadores podem participar da batalha.

Etapa 3: Reconciliação tempestuosa[]

Os Lattecups não parecem ter nada a ver com o roubo de cereal, mas algo não está certo. Você só precisa descobrir o quê.
Diálogo

Finalmente, aí está você! Eu vim avisá-lo, mas parece que estou atrasado!
O homem que o atacou é funcionário do meu pai. Minha família pensa que você está em Frigost para ajudar os Lattecups a recuperar o poder.

  • Explique o que você descobriu.

Você sabe de algo sobre esses acordos? Nós precisamos conhecer mais detalhes dessa família Santo, mas isso significa voltar para Amakna para consultar os arquivos. Julie e eu precisamos ficar para ter certeza de que a rivalidade entre nossas famílias não saia do controle. Obrigado pela ajuda e boa sorte.

  • Consulte os arquivos da biblioteca
Vá para a Biblioteca de Bonta [-33,-58] ou Brakmar [-28,37] e clique na estante interativa.
Você vai receber 1 Cópia do dossiê da família Santo.
Diálogo

Se você está aqui em nome de Ramon Santo, saiba que eu jamais desistirei dos meus campos e me recuso a cultivar seus cereais geneticamente modificados.

  • Conversar.

Você não é um dos cães de guarda dele? Neste caso, eu posso relaxar.
Eu estou sob pressão constante de Ramon Santo e seus homens. Já ateou fogo no meu campo, supostamente um acidente natural, fogo em arbustos, raios sem chuva, etc, mas a verdade é que Ramon Santo quer me forçar a vender o que tenho para que ele monopolize o crescimento e as vendas de cereais em Bonta. Se você quer saber mais sobre a origem do dinheiro dele, pergunte para uma velha amiga do meu pai. Parece que ela ficou trancada em Madrestam Jail por desordem e destruição de mudas geneticamente modificadas.

Diálogo

Eu vou passar meu dias na prisão. É uma conspiração, eles querem me calar, mas o público precisa saber da verdade!

  • Fazer perguntas sobre a família Santo.

Eu não vou dizer nada, a não ser que você me ajude a sair daqui para que eu possa fugir para a ilha dos Wabbits.
Tente pegar as chaves com o Elsod Iva, mas seja bonzinho, ele não é um cara mau.

Fale com Elsod Iva no mesmo mapa onde se encontra Haike Holo.
Diálogo
  • Ah, uma batata gigante atacada por uma batata frita mutante!

Onde? Onde?

  • Aproveite a distração e saia com as chaves.
Você vai receber 1 Chave da cela de Haike Holo.
Clique na porta da cela.
  • Descubra o mapa: Barco para a ilha dos Wabbits [9,-2]
  • Fale com: Haike Holo [9,-2]
Diálogo

Eu vou passar o resto dos dias na ilha dos Wabbits, longe das conspirações e das pressões econômicas.

  • Pedir informações sobre a família Santo.

Eu trabalhei para Edmond Santo e Simon Santo. Quando Ramon Santo assumiu o lugar de seu pai, eu me aposentei.
Quando eu era mais jovem, acredito que por volta de 550, eu roubei alguns cereais de um barco que vinha de Frigost. Éramos cerca de dez trabalhando para Edmond Santo. Eles nos pagou generosamente em troca do nosso silêncio, e, aqueles que queriam, podiam continuar trabalhando para ele para ganhar alguns Kamas, foi o que eu fiz.
Recentemente, sem dúvida por conta da idade, mas também depois do que a família Santo fez com um velho amigo de seu filho, comecei a ter minhas dúvidas e queria mostrar para todos as atitudes desonestas dessa família. Por isso eles me jogaram na cadeia para calar a minha boca.

  • Continuar ouvindo.

O que Ramon Santo não sabe é que eu descobri documentos que ligam seu pai e seu avô a alguns exportadores de Frigost. Eu ouvi dizer que a via marítima até a ilha foi reaberta; por isso, esses documentos podem causar um grande furor.
Confio esses papéis a você, pois estou muito velho e muito fraco para lidar com isso.
Boa sorte.

Você vai receber 1 Documentos sobre o Roubo.
Diálogo
  • Entregar os documentos sobre a família Santo.

Ah, é você. Com todo esse vento e neve eu não te reconheci.
Obrigado por esses documentos, mas o tempo está acabando. A Gineta foi sequestrada por um Kaniglu. Eu tentei segui-los na neve, mas os Sabredons não me deram escolha senão voltar.
Por favor, eu imploro, salve-a!

Etapa 4: O sequestrador de Kanigloo[]

Julie foi sequestrada por um Kanigloo. Gromeo tentou salvá-la, mas foi em vão. Ele implorou para você salvá-la.
  • Descubra o mapa: Traços de Julie [-66,-62]
  • Descubra o mapa: Perto do local do desaparecimento.
Vá para [-65,-63].
  • Derrote 1x Kanimodo em um único combate
Inicie a batalha falando com a Julie Lattecup.
Kanimodo, aparentemente, possui alcance infinito para o pulo e colocá-lo no estado gravidade não o impede de saltar. Ele também coloca o adversário no "Estado silencioso" (impossível de usar AP) por dois turnos, a cada 5 turnos. Ele inflige 300-400 de dano e reduz MP a uma distância grande (um personagem por vez até 3 vezes por turno). É aconselhável levar outros jogadores para a batalha.
Vá entre 17:00 e 21:00 no horário do Dofus.
Gromeo Oatmenu
Diálogo

Obrigado por salvar a Julie. Graças às suas investigações, nós poderemos tentar fazer as nossas famílias ter bom senso.
Nós levamos todos esses documentos para os nossos pais. Talvez eles o ajudem a entender o que aconteceu há tantos anos.

Julie Lattecup
Diálogo

Obrigado por me salvar. Graças às suas investigações, nós poderemos tentar fazer as nossas famílias ter bom senso.
Nós levamos todos esses documentos para os nossos pais. Talvez eles o ajudem a entender o que aconteceu há tantos anos.

Recompensas[]

Sucessos relacionados[]

Advertisement