Wikia Dofus
Advertisement
Resumo da Missão
Iniciando Fale com Drenba em [-25,26]
Nível necessário 50
Pré-requisitos Nenhum
Nível da missão 70
Recompensas XP baseada no nível, 3,140 Kamas, 5 Bigode de Kolerrato
Itens necessários Nenhum
Sequência Os Mortos-vivos
Repetitiva Não

Deu Branco é uma missão.


Pegando a missão[]

Fale com Drenba em [-25,26] na Desolação de Sidimote, dentro do Café Brakdá.
Diálogo

A travessia das Estepes de Sidimote apresenta riscos que os viajantes podem limitar se pegarem a rota 666. Meu café lhes oferece um pouco de tranquilidade e também a oportunidade de conhecerem outros andarilhos.

  • Conversar sobre os perigos da região.

O vulcão só é perigoso por causa das torrentes de lava. Além disso, o ar saturado de enxofre é um risco para quem não nasceu na região, e o calor que ele emite pode se revelar fatal para quem não está bem preparado. Também é preciso tomar cuidado com o solo, que em alguns lugares é escorregadio ou capaz de desmoronar: um segundo de distraçã pode garantir um banho de lava!

  • Continuar ouvindo.

A tribo dos Ockers, que se estabeleceu perto daqui, ignora os estrangeiros, embora às vezes haja pequenas desavenças com soldados brakmarianos sedentos por adrenalina. Não recomendo procurar sarna para se coçar.

  • Continuar ouvindo.

E, é claro, isso sem falar da fauna, que já se adaptou há muito tempo a esse ambiente: existe uma zona inteira carregada de brumas nocivas. Quando você se contenta em atravessá-la, não corre grandes riscos: a toxicidade não é suficiente para causar lesões em curto prazo. No entanto, uma estadia prolongada exige um equipamento de sobrevivência adequado para evitar efeitos colaterais.

  • Descobrir mais a respeito dos efeitos colaterais.
Você será teletransportado para [-24,19].
Diálogo

Você acorda em meio à desolação, com uma ferida recente na cabeça. É impossível se lembrar de como veio parar aqui.

Etapa 1: Deu branco[]

Você tenta se lembrar do que aconteceu entre a sua passagem pelo Café Brakdá e o momento em que acordou em meio à desolação de Sidimote.
  • Descubra o mapa: Café Brakdá [-25,26]
  • Fale com: Drenba [-25,26]
Diálogo
  • Perguntar se ela se lembra de você.

Claro, como poderia esquecer alguém como você? Depois de pedir uma boa refeição, você tinha se sentado em companhia de uma velha viajante, com a qual conversou durante muito tempo.

  • Pedir informações sobre a viajante.
Diálogo

Ela alugou um quarto e está descansando no momento. Posso ir chamá-la enquanto você toma uma cerveja.

  • Concordar e pedir uma cerveja.
Diálogo

Eu não nasci para viver grandes aventuras. Quando era jovem, eu não hesitava em percorrer centenas de quilômetros para perseguir criminosos. Hoje, prefiro terceirizar o trabalho, mesmo que isso me dê menos lucro.

  • Fazer perguntas sobre a conversa mencionada pela dona do albergue.

Quando a dona do albergue me avisou sobre o seu retorno, achei que você tivesse vindo me contar as suas descobertas. Que pena que não se lembra de mim. Contratei você para fazer uma investigação na vizinhança a respeito do criminoso Brumen Tinctorias. Você realmente não se lembra de nada?

  • Balançar a cabeça.

Quando nos encontramos pela última vez, você não usava esta coleira de osso no pescoço. Posso vê-la de perto?

  • Perceber com espanto a presença da coleira e entregá-la a ela.

É um osso esculpido. Já vi alguns iguais no pescoço de certos Ockers quando estava vindo para cá. Minha intuição me diz que você cruzou o caminho deles no período entre o nosso encontro e a sua perda de memória. O acampamento deles fica perto daqui, você deveria voltar lá.

  • Espantar-se com a intuição, mas seguir o conselho mesmo assim.

E, se se lembrar de alguma coisa a respeito de Brumen Tinctorias, venha falar comigo novamente.

  • Interrogue a tribo dos Ockers [-21,25]
Fale com Weiller em [-20,24].
Diálogo
  • Perguntar se ele se lembra de você.

Você se mostrou digno do deus Kilorf ao conseguir realizar a prova do suor. Como poderia me esquecer de você?

  • Fazer perguntas sobre a prova e as razões que levaram você a fazê-la.

Durante várias horas, você ficou em pé sem fraquejar em cima de um rochedo no meio de um lago de magma. Foi por isso que você ganhou a sua tão merecida coleira de ossos. Depois, conversamos sobre Brumen Tinctorias.

  • Pedir um resumo da conversa sobre Brumen Tinctorias.

Como eu já lhe disse, às vezes recorremos aos serviços e conselhos dele para curar ferimentos graves ou arbitrar certos conflitos. Entretanto, apesar dos prodígios que ele é capaz de fazer, nós nos recusamos a ressuscitar os mortos. Nem todos os Kilorfs concordam conosco.

  • Descobrir mais sobre esses Kilorfs.

Será que você esqueceu toda a nossa conversa? Já orientei você para o antigo acampamento dos Álmatas, uma tribo exterminada por Iops e da qual vários membros voltaram do além graças à alquimia. Um dos raros verdadeiros sobreviventes do massacre ainda vive no lugar em que a tribo havia se estabelecido.

  • Anotar a localização e lhe agradecer por ter repetido essas informações.
  • Descubra o mapa: Acampamento abandonado dos Álmatas [-28,20]
Assim que você entrar no mapa, você será agredido por 1 Búrdia (Zobal), 1 Táspora (Feca), 1 Dawisada (Pandawa), 1 Lynetol (Eniripsa). Eles são nível 70. Não é possível que outros jogadores participem da batalha.
Você vai receber 1 Pelos de Sovaco.
Diálogo
  • Conversar sobre Brumen Tinctorias.

Como eu disse da última vez, ele usou seus dons de alquimista para trazer de volta à vida vários membros da minha tribo que foram exterminados pelos capangas de Rish Claymore. Eu acredito de coração que ele não tinha más intenções, mas ainda estou convencido de que isso vai contra as provações impostas pelos deuses.

  • Continuar ouvindo.

Como podemos nos realizar plenamente diante das adversidades se existem maneiras de trapacear desafiando a morte? Eu preferia que Brumen tivesse deixado os mortos seguirem o caminho da reencarnação das almas.

Diálogo

Suponho que agora você vá nos entregar às autoridades?

  • Cobrar satisfações sobre o motivo da agressão.

O quê? Quer dizer que você não se lembra de nós? Fizemos tudo isso em vão...

  • Ameaçar distribuir mais bofetadas se ele não der explicações.

Tá bom, tá bom. Tivemos uma altercação há pouco tempo e queríamos nos vingar. Achávamos que você e Irene Yllar queriam nos denunciar às autoridades. Foi apenas um mal-entendido.

  • Baseando-se nas suas lembranças vagas, afirmar que ele está mentindo.

Juro que estávamos com raiva de você por nos ter dado uma surra, mas que agora não tentaremos mais lhe causar problemas. De qualquer forma, mesmo se armássemos uma emboscada, não estaríamos à sua altura.

  • Revirar a mochila.

O que você está fazendo? Ei, não, isso nos pertence! Me dê esses documentos.

  • Acertar um chute na tíbia e guardar os documentos na mochila.

Ai! Isso machuca!

  • Abandoná-lo à própria sorte e voltar ao albergue.
Você vai receber 1 Documentos dos Mercenários.
  • Descubra o mapa: Café Brakdá [-28,20]
  • Fale com: Drenba [-25,26]
Diálogo
  • Perguntar se Irene Yllar ainda está ali.

Sim, eu a encontrei na cama. Alguns clientes a atacaram, mas eles já tinham ido embora quando eu me dei conta do que tinha acontecido. Agora ela está se recuperando do choque, mas posso ir chamá-la.

  • Concordar.
Diálogo

Vou logo avisando: estou de mau humor!

  • Perguntar o que aconteceu.

Quatro malandros entraram no meu quarto enquanto eu estava dormindo. Não deu tempo de reagir, eles me amarraram e amordaçaram. Depois, me fizeram perguntas sobre você e a conversa que tivemos.

  • Continuar ouvindo.

Eu me recusei a responder, apesar da insistência deles, e perguntei se eles pretendiam abusar de mim para obter as informações. Sabe o que me responderam?

  • Balançar a cabeça.

Tiveram a audácia de dizer que eu era velha demais e me amordaçaram novamente! Ah, malditos cretinos...

  • Mudar de assunto e mostrar os documentos.

Era por isso que eles queriam eliminar você. Você provavelmente os surpreendeu e os enfrentou. Esse combate deve ter sido a causa do ferimento na sua cabeça, que deve ter se infeccionado e provocado a sua amnésia. E a respeito de Brumen Tinctorias?

  • Fazer um relatório.

Agradeço a sua ajuda, obtive as informações que eu vim buscar. Agora, pretendo voltar para Astrub. Não se preocupe: sei a quem devo levar estes documentos para atrapalhar os planos daquele Enutrof. Aqui está o seu pagamento.

  • Pegar o pagamento e se despedir.

Recompensas[]

Sucessos relacionados[]

Advertisement